Vantagens do Coworking para Advogad@s

Como vimos no último post, Coworking deixou de ser o negócio do futuro para ser o negócio do presente. A disponibilidade de espaços tem aumentado velozmente, inclusive no interior.

Uma ramificação desse negócio são os Coworkings segmentados por mercado em decorrência de especificidades de algumas profissões. Não faz muito sentido o dentista, por exemplo, dividir o mesmo espaço de trabalho que o contador ou o estilista. As ferramentas e infraestrutura necessária são diferentes e o ambiente confuso pode afastar clientes em potencial dos coworkers.

Com a advocacia não é diferente. Apesar de muit@s advogad@s já usarem espaços de coworking (recentemente um grande escritório tradicional anunciou que utilizará as instalações do novíssimo WeWork, recém inaugurado em São Paulo), me parece que os pequenos escritórios, independente de serem formados por jovens advogad@s ou profissionais mais experientes que estão começando no escritório próprio precisam de um espaço mais “com cara” de escritório de advocacia tradicional do que “com cara” de um coworking tradicional.

Explico. A maioria dos clientes d@s advogad@s ainda tem a imagem da advocacia como uma profissão sisuda e formal. A maioria dos advogad@s também tem essa imagem. Alguns departamentos jurídicos já estão mais flexíveis, muito em decorrência da mudança que tem ocorrido dentro de suas empresas. Os espaços de coworking, por sua vez, funcionam tomando como base a arquitetura do  open space, onde o coworker pode sentar onde quiser, plugar seu computador e trabalhar, contando ainda com salas privativas, salas de reunião, alguns com áreas de descanso e outros espaços como churrasqueira e salão de jogos, por exemplo. Muitas vezes a decoração e os ambientes são coloridos e construídos com a intenção de instigar a criatividade.

Acontece que o cliente que leva aquele inventário que está há 10 anos sem solução, o caso da disputa de guarda do filho, a revisão do contrato do negócio da sua vida, sua reclamação trabalhista (dentre outros), não quer ser atendido enquanto fazem churrasco no espaço. Não precisa nem ser ao mesmo tempo da reunião dele, só a simples presença da churrasqueira, da mesa de sinuca ou até da parede colorida e alegre pode incomodar.

As pessoas ainda procuram advogad@ apenas quando “precisam”; algumas empresas também. Não vivemos na cultura da prevenção e ter que contratar um advogado ou escritório externo ainda é visto mais como um problema do que como uma solução (sobre a necessidade do escritório externo ser parceiro do cliente podemos falar em outra postagem).

 

Por isso me parece que a solução é o meio termo, que é o que a CMENTE vai oferecer aos seus advogad@s coworkers que pensarem da mesma forma: um espaço com cara de escritório de advocacia tradicional mas com uma decoração mais moderna (leia-se não todo revestido de madeira e sem quilos de pastas e papéis espalhados por todos os lados); estações de trabalho com tamanho suficiente para você apoiar seus processos com muitos volumes e seus livros, uma recepção e sala de reunião bem decoradas, sóbrias, modernas e agradáveis; internet , café, copiadora e impressora. E se precisar de indicação de um profissional de TI para fazer todos os programas de processos eletrônicos rodarem no seu computador, também temos quem indicar.

O coworker da CMENTE vai trabalhar no mesmo ambiente que outros advogad@s que à primeira vista poderão parecer seus concorrentes, mas que na verdade são seus parceiros.  O networking e oportunidades de trabalho podem aumentar, assim como a convivência com seus pares irá gerar aprendizado que @ adovgad@ sozinho em sua sala de 25 m² nunca obteria.

Sendo assim, de forma objetiva, as vantagens que o advogad@ ou pequeno escritório advocacia tem ao exercer suas atividades em um escritório compartilhado como o da CMENTE Incubadora & Coworking são:

  • Investimento inicial zero
  • Utilização de um espaço e infraestutura pagando cerca de 80% menos do que ele custa;
  • Atendimento de seus clientes em um endereço comercial localizado no Centro do Rio de Janeiro;
  • Networking;
  • Livrar-se das distrações do home office;
  • Possuir endereço comercial no cartão de visitas.

Se interessou?

Nosso espaço estrá  aberto e em funcionamento.

Temos  duas estações com mesas em L de 1,70m X 1,30m para os coworkers residentes optantes por um dos pacotes de plano INTEGRAL e três estações de trabalho 1,20 cm X 60 cm do tipo plug and play para os pacotes de meio-período. As demais estações estão ocupadas por colaboradores do Escritório Ribeiro da Luz Advogados, dos advogados mentores da CMENTE.

Para  visualizar como ficou o espaço, fotos do projeto de arquitetura e para obter outras informações sobre  os serviços disponibilizados pela CMENTE e reserva das diárias-teste, nos envie um email com o assunto COWORKING CMENTE para contato@cmente.com.br ou preencha nosso formulário de contato.

As fotos do local serão disponibilizadas assim que a decoração receber seus ajustes finais, diante da recente inauguração !

Também  não se esqueça de cadastrar seu email no site para continuar recebendo nossas novidades.

 

Sócia na Ribeiro da Luz Advogados Fundadora da CMENTE Incubadora & Coworking de Advogad@s

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *